Relatório Diário Automático
16/Jul/2018

Este documento foi criado automaticamente pelo Programa Queimadas do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), em Cachoeira Paulista, SP, Brasil. Envie comentários e consultas a queimadas@inpe.br. É permitido distribuir e reproduzir as informações aqui contidas, bem como criar outros documentos a partir delas, desde que seja citada a fonte: "INPE - Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, 2018.  Portal do Monitoramento de Queimadas e Incêndios. Disponível em http://www.inpe.br/queimadas."

Equipe: coordenação: Alberto Setzer; produtos: Fabiano Morelli, Pedro Lagden, Raffi Sismanoglu; desenvolvimento: Daniel Pavone, Ítalo Garrot, Ronaldo Andrade, Willian Rosa.

Índice

  1. Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 anos
  2. Gráfico de focos acumulados por país neste ano
  3. Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 meses
  4. Gráfico de focos acumulados por país neste mês
  5. Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 dias
  6. Gráfico de focos acumulados por país ontem
  7. Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 anos
  8. Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro neste ano
  9. Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 meses
  10. Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro neste mês
  11. Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 dias
  12. Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro ontem
  13. Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 anos
  14. Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados neste ano
  15. Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 meses
  16. Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados neste mês
  17. Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 dias
  18. Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados ontem
  19. Mapa de focos nas últimas 48 horas
  20. Mapa de risco de fogo previsto para hoje e amanhã
  21. Mapa de precipitação acumulada prevista para hoje e amanhã
  22. Mapa de umidade relativa mínima prevista para hoje e amanhã
  23. Mapa de temperatura máxima prevista para hoje e amanhã
  24. Mapa de precipitação acumulada em 24 horas
  25. Mapa de número de dias consecutivos sem chuva
  26. Mapa de umidade relativa mínima observada em 24 horas
  27. Mapa de temperatura máxima observada em 24 horas
  28. Mapa de vento médio observado em 24 horas
  29. Mapa de material particulado inlogo_relatoriotegrado na coluna (dp ≤ 2,5 µm) valor máximo do dia

Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 anos

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul entre os dias 01/Jan e 15/Jul de cada ano, de 2014 a 2018.

Localidade 2018 Dif. 2017 Dif. 2016 Dif. 2015 Dif. 2014 Dif.
Brasil 21.697 4% 20.839 -33% 31.036 52% 20.435 -10% 22.632 16%
Argentina 10.269 29% 7.968 43% 5.591 -35% 8.636 74% 4.954 -36%
Bolivia 3.719 15% 3.220 -42% 5.550 302% 1.379 -13% 1.589 -21%
Chile 2.971 -53% 6.347 151% 2.532 -42% 4.394 46% 3.007 -2%
Colombia 15.169 49% 10.153 -34% 15.331 28% 11.980 -15% 14.103 27%
Ecuador 396 97% 201 -16% 240 -5% 253 161% 97 -27%
Falkland Islands - - - - 3 - - - - -
French Guiana 6 500% 1 -93% 15 200% 5 -58% 12 50%
Guyana 347 38% 251 -66% 746 50% 497 10% 453 23%
Paraguay 4.418 -6% 4.723 0% 4.707 35% 3.490 -21% 4.415 -38%
Peru 1.372 40% 980 -41% 1.655 122% 747 -18% 908 3%
Suriname 66 164% 25 -52% 52 -49% 102 82% 56 -21%
Uruguay 245 35% 181 30% 139 -82% 758 537% 119 -51%
Venezuela 21.206 73% 12.227 -33% 18.244 20% 15.198 -21% 19.314 3%
A diferença mostrada em 2014 foi calculada em relação a 2013.

Gráfico de focos acumulados por país neste ano

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul entre o início deste ano (01/Jan/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 meses

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul entre os dias 01 e 15 de cada mês, de Mar/2018 a Jul/2018.

Localidade Jul/2018 Dif. Jun/2018 Dif. Mai/2018 Dif. Abr/2018 Dif. Mar/2018 Dif.
Brasil 4.324 -25% 5.799 72% 3.367 106% 1.634 -39% 2.662 88%
Argentina 864 -38% 1.400 78% 786 -43% 1.385 -11% 1.557 1%
Bolivia 1.347 27% 1.062 50% 708 197% 238 76% 135 88%
Chile 18 -87% 136 -61% 353 -45% 639 -55% 1.428 603%
Colombia 204 74% 117 -38% 190 -66% 565 -85% 3.782 -57%
Ecuador 124 276% 33 50% 22 -61% 57 111% 27 -18%
French Guiana 1 0% 1 - - - 1 - - -
Guyana 2 -60% 5 150% 2 -97% 65 -54% 140 115%
Paraguay 696 -9% 768 -35% 1.177 14% 1.035 475% 180 -42%
Peru 371 17% 317 73% 183 99% 92 74% 53 -66%
Suriname - - 1 - - - 12 -57% 28 65%
Uruguay 5 -72% 18 -36% 28 -22% 36 -40% 60 122%
Venezuela 115 -68% 356 -62% 934 -74% 3.525 -56% 8.017 58%
A diferença mostrada em Mar/2018 foi calculada em relação a Fev/2018.

Gráfico de focos acumulados por país neste mês

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul entre o início deste mês (01/Jul/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Tabela de focos acumulados por país nos últimos 5 dias

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul entre os dias 11/Jul/2018 e 15/Jul/2018.

Localidade 15/Jul/2018 Dif. 14/Jul/2018 Dif. 13/Jul/2018 Dif. 12/Jul/2018 Dif. 11/Jul/2018 Dif.
Brasil 380 34% 283 -24% 374 72% 217 -21% 275 -18%
Argentina 87 -64% 242 83% 132 -36% 206 1.112% 17 -88%
Bolivia 79 -34% 119 153% 47 -77% 204 467% 36 -89%
Chile - - 2 100% 1 - - - 6 -
Colombia 67 2.133% 3 -73% 11 -39% 18 350% 4 -67%
Ecuador - - - - 7 - - - 7 17%
Guyana - - - - - - 1 - - -
Paraguay 26 -94% 436 1.882% 22 29% 17 113% 8 -84%
Peru 92 2.967% 3 -25% 4 33% 3 -75% 12 71%
Uruguay - - 3 - - - 2 - - -
Venezuela 2 -60% 5 67% 3 -88% 24 700% 3 -80%
A diferença mostrada em 11/Jul/2018 foi calculada em relação a 10/Jul/2018.

Gráfico de focos acumulados por país ontem

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por país da América do Sul ontem (15/Jul/2018).

Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 anos

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil entre os dias 01/Jan e 15/Jul de cada ano, de 2014 a 2018.

Localidade 2018 Dif. 2017 Dif. 2016 Dif. 2015 Dif. 2014 Dif.
ACRE 208 78% 117 -50% 236 168% 88 31% 67 -20%
ALAGOAS 54 -33% 81 11% 73 -63% 196 73% 113 -11%
AMAPÁ 22 120% 10 -55% 22 -27% 30 -6% 32 129%
AMAZONAS 573 13% 507 -61% 1.293 374% 273 -15% 320 19%
BAHIA 758 -21% 954 -47% 1.789 59% 1.128 8% 1.045 -33%
CEARÁ 214 56% 137 -33% 204 -24% 270 58% 171 -29%
DISTRITO FEDERAL 16 -20% 20 -75% 81 1.520% 5 -86% 36 71%
ESPÍRITO SANTO 54 -23% 70 -78% 313 42% 220 168% 82 -34%
GOIÁS 803 -8% 873 -20% 1.086 46% 742 -23% 963 23%
MARANHÃO 1.751 -11% 1.966 -8% 2.145 -4% 2.240 0% 2.230 30%
MATO GROSSO 5.271 -6% 5.630 -15% 6.630 43% 4.647 -13% 5.331 8%
MATO GROSSO DO SUL 690 -45% 1.257 34% 940 9% 863 19% 726 0%
MINAS GERAIS 854 4% 818 -33% 1.229 68% 733 -42% 1.270 22%
PARÁ 1.461 -12% 1.658 -45% 2.992 91% 1.570 28% 1.228 11%
PARAÍBA 54 46% 37 23% 30 -59% 74 -24% 97 39%
PARANÁ 806 12% 718 -22% 918 74% 529 3% 514 -11%
PERNAMBUCO 73 -34% 110 72% 64 -71% 221 47% 150 -7%
PIAUÍ 966 74% 556 -2% 568 -21% 720 -41% 1.222 81%
RIO DE JANEIRO 85 -36% 133 -21% 169 -16% 201 -16% 240 176%
RIO GRANDE DO NORTE 53 -2% 54 93% 28 -60% 70 49% 47 -31%
RIO GRANDE DO SUL 515 28% 403 -51% 816 50% 544 35% 404 1%
RONDÔNIA 485 -8% 530 -16% 629 128% 276 -6% 295 67%
RORAIMA 1.930 228% 589 -83% 3.525 137% 1.485 -15% 1.745 84%
SANTA CATARINA 398 20% 331 -22% 426 56% 273 41% 193 -51%
SÃO PAULO 1.240 102% 613 -52% 1.273 167% 476 -54% 1.037 43%
SERGIPE 71 4% 68 -1% 69 -54% 151 122% 68 -56%
TOCANTINS 2.292 -12% 2.599 -25% 3.488 45% 2.410 -20% 3.006 28%
A diferença mostrada em 2014 foi calculada em relação a 2013.

Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro neste ano

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil entre o início deste ano (01/Jan/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 meses

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil entre os dias 01 e 15 de cada mês, de Mar/2018 a Jul/2018.

Localidade Jul/2018 Dif. Jun/2018 Dif. Mai/2018 Dif. Abr/2018 Dif. Mar/2018 Dif.
ACRE 145 254% 41 193% 14 180% 5 400% 1 -50%
ALAGOAS - - 6 - - - 2 -85% 13 -19%
AMAPÁ 2 -33% 3 200% 1 0% 1 - - -
AMAZONAS 212 68% 126 500% 21 24% 17 -69% 55 -41%
BAHIA 130 -32% 190 88% 101 42% 71 -44% 126 180%
CEARÁ 7 -67% 21 600% 3 50% 2 -75% 8 33%
DISTRITO FEDERAL 13 1.200% 1 -50% 2 - - - - -
ESPÍRITO SANTO 16 33% 12 200% 4 -43% 7 -22% 9 800%
GOIÁS 162 -11% 183 1% 181 148% 73 -36% 114 217%
MARANHÃO 384 -48% 738 265% 202 312% 49 -47% 93 520%
MATO GROSSO 915 -44% 1.623 65% 983 134% 420 -45% 760 188%
MATO GROSSO DO SUL 120 -8% 131 34% 98 7% 92 -43% 162 224%
MINAS GERAIS 222 10% 201 32% 152 171% 56 -49% 109 85%
PARÁ 301 -34% 454 468% 80 515% 13 -76% 54 125%
PARAÍBA - - 1 0% 1 -75% 4 33% 3 0%
PARANÁ 140 -11% 158 -34% 241 55% 155 638% 21 -72%
PERNAMBUCO 2 -85% 13 550% 2 -60% 5 -44% 9 29%
PIAUÍ 328 -14% 382 224% 118 973% 11 -74% 43 438%
RIO DE JANEIRO 32 0% 32 300% 8 167% 3 -50% 6 -
RIO GRANDE DO NORTE 2 -67% 6 500% 1 -67% 3 -75% 12 100%
RIO GRANDE DO SUL 67 8% 62 -43% 108 23% 88 16% 76 10%
RONDÔNIA 241 63% 148 261% 41 486% 7 -75% 28 300%
RORAIMA 1 -80% 5 -50% 10 -95% 184 -75% 727 39%
SANTA CATARINA 45 -13% 52 -32% 77 -48% 147 568% 22 -52%
SÃO PAULO 354 20% 294 -8% 319 289% 82 -35% 126 404%
SERGIPE 2 0% 2 100% 1 -92% 13 -41% 22 22%
TOCANTINS 481 -47% 914 53% 598 382% 124 97% 63 294%
A diferença mostrada em Mar/2018 foi calculada em relação a Fev/2018.

Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro neste mês

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil entre o início deste mês (01/Jul/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Tabela de focos acumulados por estado brasileiro nos últimos 5 dias

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil entre os dias 11/Jul/2018 e 15/Jul/2018.

Localidade 15/Jul/2018 Dif. 14/Jul/2018 Dif. 13/Jul/2018 Dif. 12/Jul/2018 Dif. 11/Jul/2018 Dif.
ACRE 24 - - - 5 -74% 19 138% 8 -69%
AMAPÁ 2 - - - - - - - - -
AMAZONAS 4 -79% 19 533% 3 -89% 27 350% 6 -80%
BAHIA 10 233% 3 -79% 14 -22% 18 29% 14 -60%
DISTRITO FEDERAL - - - - 5 - - - 3 50%
ESPÍRITO SANTO 1 0% 1 - - - - - - -
GOIÁS 4 300% 1 -94% 16 433% 3 -88% 25 257%
MARANHÃO 76 300% 19 -41% 32 191% 11 38% 8 -65%
MATO GROSSO 27 -59% 66 -14% 77 31% 59 -20% 74 196%
MATO GROSSO DO SUL 9 -50% 18 200% 6 0% 6 0% 6 50%
MINAS GERAIS 16 700% 2 -75% 8 300% 2 -83% 12 -45%
PARÁ 19 375% 4 -89% 36 227% 11 -59% 27 440%
PARANÁ 6 -70% 20 -17% 24 300% 6 -57% 14 -
PERNAMBUCO - - - - - - 1 - - -
PIAUÍ 58 222% 18 -51% 37 640% 5 - - -
RIO DE JANEIRO 6 - - - 1 - - - - -
RIO GRANDE DO SUL 4 -92% 50 2.400% 2 -75% 8 300% 2 100%
RONDÔNIA 6 -57% 14 - - - 33 1.550% 2 -96%
SANTA CATARINA 4 -64% 11 22% 9 350% 2 -67% 6 -
SÃO PAULO 56 65% 34 10% 31 - - - 23 -
SERGIPE - - - - - - 2 - - -
TOCANTINS 48 1.500% 3 -96% 68 1.600% 4 -91% 45 45%
A diferença mostrada em 11/Jul/2018 foi calculada em relação a 10/Jul/2018.

Gráfico de focos acumulados por estado brasileiro ontem

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por estado do Brasil ontem (15/Jul/2018).

Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 anos

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil entre os dias 01/Jan e 15/Jul de cada ano, de 2014 a 2018. Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados entre o início deste ano (01/Jan/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Localidade 2018 Dif. 2017 Dif. 2016 Dif. 2015 Dif. 2014 Dif.
CARACARAÍ, RORAIMA 501 606% 71 -92% 898 365% 193 -29% 271 252%
FELIZ NATAL, MATO GROSSO 248 8% 229 18% 194 -1% 195 95% 100 -60%
BALSAS, MARANHÃO 246 22% 201 -22% 257 16% 222 -35% 339 37%
RORAINÓPOLIS, RORAIMA 229 340% 52 -89% 461 81% 255 37% 186 133%
NOVA MARINGÁ, MATO GROSSO 226 -13% 259 -13% 296 22% 243 -37% 385 24%
NOVA UBIRATÃ, MATO GROSSO 222 5% 211 -11% 237 74% 136 -37% 215 -15%
TANGARÁ DA SERRA, MATO GROSSO 220 9% 202 -28% 280 101% 139 -42% 239 160%
TABAPORÃ, MATO GROSSO 219 63% 134 37% 98 -1% 99 -44% 178 131%
GAÚCHA DO NORTE, MATO GROSSO 200 39% 144 -34% 217 67% 130 -29% 183 21%
CANTÁ, RORAIMA 192 205% 63 -65% 179 99% 90 -49% 178 162%
A diferença mostrada em 2014 foi calculada em relação a 2013.

Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados neste ano

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil entre o início deste ano (01/Jan/2018) e ontem (15/Jul/2018). Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados.

Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 meses

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil entre os dias 01 e 15 de cada mês, de Mar/2018 a Jul/2018. Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados entre o início deste mês (01/Jul/2018) e ontem (15/Jul/2018).

Localidade Jul/2018 Dif. Jun/2018 Dif. Mai/2018 Dif. Abr/2018 Dif. Mar/2018 Dif.
PORTO VELHO, RONDÔNIA 109 160% 42 4.100% 1 - - - 6 500%
LÁBREA, AMAZONAS 90 800% 10 400% 2 100% 1 - - -
MATEIROS, TOCANTINS 69 3% 67 103% 33 371% 7 250% 2 -
FELIZ NATAL, MATO GROSSO 58 -41% 99 267% 27 108% 13 -57% 30 200%
FERNANDO FALCÃO, MARANHÃO 50 14% 44 1.000% 4 - - - - -
FLORIANO, PIAUÍ 48 -26% 65 210% 21 - - - - -
BALSAS, MARANHÃO 47 -65% 133 269% 36 227% 11 -8% 12 140%
FORMOSO DO ARAGUAIA, TOCANTINS 47 -18% 57 33% 43 514% 7 - - -
TABAPORÃ, MATO GROSSO 45 -65% 127 568% 19 533% 3 -73% 11 83%
GAÚCHA DO NORTE, MATO GROSSO 45 -29% 63 163% 24 26% 19 -30% 27 440%
A diferença mostrada em Mar/2018 foi calculada em relação a Fev/2018.

Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados neste mês

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil entre o início deste mês (01/Jul/2018) e ontem (15/Jul/2018). Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados.

Tabela dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados nos últimos 5 dias

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil entre os dias 11/Jul/2018 e 15/Jul/2018. Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados ontem (15/Jul/2018).

Localidade 15/Jul/2018 Dif. 14/Jul/2018 Dif. 13/Jul/2018 Dif. 12/Jul/2018 Dif. 11/Jul/2018 Dif.
FLORIANO, PIAUÍ 16 300% 4 300% 1 - - - - -
MIRADOR, MARANHÃO 14 250% 4 100% 2 - - - - -
BALSAS, MARANHÃO 13 - - - 4 - - - 2 -
FERNANDO FALCÃO, MARANHÃO 11 83% 6 50% 4 - - - - -
JERUMENHA, PIAUÍ 9 80% 5 - - - - - - -
MATEIROS, TOCANTINS 9 - - - 4 100% 2 -75% 8 -33%
AÇAILÂNDIA, MARANHÃO 8 - - - 1 - - - - -
CAFELÂNDIA, SÃO PAULO 8 - - - - - - - - -
GUADALUPE, PIAUÍ 8 300% 2 100% 1 0% 1 - - -
FEIJÓ, ACRE 7 - - - 2 - - - 2 100%
A diferença mostrada em 11/Jul/2018 foi calculada em relação a 10/Jul/2018.

Gráfico dos 10 municípios brasileiros com mais focos acumulados ontem

Número de focos do satélite de referência (AQUA_M-T) acumulados por município do Brasil ontem (15/Jul/2018). Estão listados apenas os 10 municípios com o maior número de focos acumulados.

Mapa de focos nas últimas 48 horas

Ontem (15/Jul/2018)
Ontem (15/Jul/2018)

nº. de focos

Mapa de risco de fogo previsto para hoje e amanhã

Previsão gerada hoje (16/Jul/2018) com dados ambientais dos últimos 120 dias e prognósticos dos modelos regional ETA 15 km (América do Sul) e Global T213 63 km (América Central, Caribe e México) do CPTEC, com inicialização em 16/Jul/2018 0h UTC.

Hoje (16/Jul/2018)
Amanhã (17/Jul/2018)

risco

Mapa de precipitação acumulada prevista para hoje e amanhã

Previsão gerada hoje (16/Jul/2018) com dados ambientais dos últimos 120 dias e prognósticos dos modelos regional ETA 15 km (América do Sul) e Global T213 63 km (América Central, Caribe e México) do CPTEC, com inicialização em 16/Jul/2018 0h UTC.

Hoje (16/Jul/2018)
Amanhã (17/Jul/2018)

mm

Mapa de umidade relativa mínima prevista para hoje e amanhã

Hoje (16/Jul/2018)
Amanhã (17/Jul/2018)

%

Mapa de temperatura máxima prevista para hoje e amanhã

Hoje (16/Jul/2018)
Amanhã (17/Jul/2018)

°C

Mapa de precipitação acumulada em 24 horas

Precipitação acumulada nas últimas 24 horas, gerada pela composição dos dados medidos nas estações terrestres (PCD e rede Synop) de diversos órgãos, com as estimativas do GPM/NASA por meio do algoritmo Cosch/DSA com resolução espacial de 25 km reamostrada para 1 km.

De ontem (15/Jul/2018 12h UTC) a hoje (16/Jul/2018 12h UTC)

mm

Mapa de número de dias consecutivos sem chuva

Número de dias consecutivos sem chuva, gerado considerando "sem chuva" os dados de precipitação acumulada menor que 1 mm.

nº. de dias

Mapa de umidade relativa mínima observada em 24 horas

De ontem (15/Jul/2018 12h UTC) a hoje (16/Jul/2018 12h UTC)

%

Mapa de temperatura máxima observada em 24 horas

De ontem (15/Jul/2018 12h UTC) a hoje (16/Jul/2018 12h UTC)

°C

Mapa de vento médio observado em 24 horas

De ontem (15/Jul/2018 12h UTC) a hoje (16/Jul/2018 12h UTC)

m/s

Mapa de material particulado inlogo_relatoriotegrado na coluna (dp ≤ 2,5 µm) valor máximo do dia

mg/m²

Informações adicionais

Outros produtos recomendados do Programa Queimadas do INPE.



Agradecimentos



Contato

Programa Queimadas
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais
Av. dos Astronautas, 1758
Jardim da Granja
São José dos Campos, SP 12227-010
Brasil
www.inpe.br/queimadas
queimadas@inpe.br
+55 (12) 3208-6652